Após anos de pesquisa, uma equipe internacional de astrônomos diz terem encontrarado  evidências definitivas de um planeta orbitando Proxima Centauri, a estrela mais próxima do Sol. Os detalhes são publicados na revista Nature de hoje , e isso é potencialmente a descoberta exoplaneta mais excitante até agora.

O planeta, chamado Proxima Centauri b (Proxima b, para abreviar), é provavelmente um pouco mais massivo que a Terra, e está a uma distância da sua estrela que poderia ter água líquida em sua superfície.

Proxima Centauri é uma estrela anã vermelha fraca, apenas 4,24 anos-luz da Terra; apesar da sua proximidade, a estrela está muito fraca para ser vista a olho nu, o que deixa o seu vizinho, Alpha Centauri, como a estrela mais próxima que pode ser vista sem um telescópio.

Proxima está junto com Alpha Centauri, que formam uma estrela binária, movendo-se através do espaço em uma valsa celestial imponente.

Uma vista dos céus do sul sobre o telescópio ESO de 3,6 metros, no Observatório de La Silla, no Chile, mostrando posições das estrelas Proxima Centauri ea dupla estrela Alpha Centauri. Y. Beletsky (LCO) / ESO / ESA / NASA / M. Zamani

Uma vista dos céus do sul sobre o telescópio ESO de 3,6 metros, no Observatório de La Silla, no Chile, mostrando posições das estrelas Proxima Centauri e a dupla estrela Alpha Centauri. Y. Beletsky (LCO) / ESO / ESA / NASA / M. Zamani

Proxima tem sido alvo de observações desde o início da era dos exoplanetas. As novas observações retiradas do Observatório Europeu do Sul entre 2000 e 2014, e um conjunto adicional de dados feitos entre 19 de Janeiro e 31 de março deste ano.

A técnica utilizada para a descoberta é o método Doppler oscilação, onde os observadores medem a velocidade da linha de visão de uma estrela com extrema precisão, e prestam atenção para qualquer oscilação da estrela balançando para frente e para trás no espaço.

Apresentando Proxima Centauri b

A evidência é forte que Proxima Centauri tem ao menos um planeta. O novo mundo orbita a estrela anã vermelha aproximadamente a cada 11,2 dias, a uma distância de cerca de sete milhões de quilômetros (muito mais perto do que Mercúrio orbita o Sol).

Proxima Centauri and its planet compared to the Solar System

A partir das observações, podemos dizer que Proxima b é relativamente pequeno, com uma massa mínima apenas 1,27 vezes a da Terra, e é aí que as coisas começam a ficar interessantes.

Ao contrário da fornalha de fogo ardente do sol, Proxima é uma pequena brasa, como tal, um planeta tão distante quanto a Terra está do Sol seria congelado, mas com Proxima é muito menor que o Sol, a órbita apertada do seu planeta é compensada pela baixa intensidade da estrela. Em outras palavras Proxima b está praticamente no mesmo lugar que a Terra está do Sol.

É por isso que, em teoria, Proxima b é realmente muito parecida com a Terra, é está no lugar certo para a água líquida existir na sua superfície.

Fonte: IFLScience

Carregando...