Os edifícios serão capazes de produzir cerca de 130 kg de oxigênio limpo por dia.

A China tem sérios problemas de poluição, sendo o segundo país que mais contribui para a poluição do ar no Mundo, perdendo apenas para os Estados Unidos.

Pensando em melhorar esta situação, um arquiteto italiano fez a proposta de criar uma Floresta vertical, ideia que foi implantada anteriormente em Milão, Itália e Lausanne, na Suíça. Se trata de um conjunto de dois edifícios estilizados com cerca de 1.100 árvores, combinando também mais de 2.500 arbustos e plantas, localizados na cidade chinesa de Nanjing.

E isso não é tudo, as torres Nanjing irão também absorver dióxido de carbono suficiente para fazer cerca de 132 kg de oxigênio todos os dias. Esta floresta vertical está programada para ser concluída em 2018.

Os prédios estarão a 354 e 656 pés de altura (107 e 199 metros). A torre mais curta abrigará um Hotel, enquanto o mais alto será o lar de um museu, escritórios e uma escola de arquitetura.

A China não irá parar por aí, e já está planejando criar mais destes edifícios nas cidades de Chongqing, Shijiazhuang, Liuzhou, Guizhou e Xangai.

Qualquer ideia que traga benefício ao meio ambiente é sempre bem vinda não é mesmo?

Fontes e imagens: https://www.cnet.com/news/pollution-fighting-vertical-forest-coming-to-china/

Carregando...